Nachrichten - News - Noticias
 published: 2008-01-08

As pedras podem falar?

Este ano ocorrerá novamente retiros para peregrinos em Milwaukee, EUA

 

Eine Wallfahrt nach Milwaukee&in den Spuren Pater Kentenichs

Una peregrinación a Milwaukee... en las huellas del Padre Kentenich

A pilgrimage to Milwaukee...in the footsteps of Father Kentenich

Eine Wallfahrt nach Milwaukee…in den Spuren Pater Kentenichs

 

Eine urpersönliche Begegnung

Un encuentro personal

A personal encounter

Eine urpersönliche Begegnung

 
Noch gibt es Zeitzeugen  

Todavía hay testigos...

There are still witnesses

Noch gibt es Zeitzeugen

 
Das Exilheiligtum, ein Gnadenort  

El Santuario del Exilio, un lugar de gracias

The Exile Shrine, a place of grace

Das Exilheiligtum, ein Gnadenort

 
Eines der ersten Hausheiligtümer  

Uno de los primeros Santuarios Hogares

One of the first Home Shrines

Eines der ersten Hausheiligtümer

 
Rektor Dr. Rainer Birkenmaier: Exerzitien, Pilgern, Begegnung

P. Rainer Birkenmaier: retiro, peregrinación, encuentro

Fr. Rainer Birkenmaier: retreat, pilgrimage, encounter

Rektor Dr. Rainer Birkenmaier: Exerzitien, Pilgern, Begegnung

Fotos: Wieland © 2008

 
   

ALEMANHA/EUA. Pe.Rainer Birkenmaier. Como é do conhecimento de todos, as pedras são mudas. Ninguém consegue arrancar-lhes palavra alguma. E, não obstante, o inverso é outrossim verdadeiro. Todos os que já alguma vez empreenderam uma visita a um lugar histórico, podem vivenciar o seguinte: juntamente com uma explicação abalizada a respeito do local visitado, as pedras começam a falar. Algumas pedras, grandes e toscas, tornam-se uma estrada do Império romano, sobre as quais trepidavam botas de soldados e carroças pesadas; uma grande abóbada permite pressupor o poder de um imperador; um muro manchado de sangue no campo de concentração fala do domínio de terror e do testemunho de grandes homens. As pedras têm linguajar próprio, de que ninguém pode substrair-se. Sobretudo dizem: ocorreu veramente o que lemos e escutamos.

Pedras de Milwaukee, de uma cidade situada no nordeste dos EUA, narram algo de um presbítero alemão de barba branca; Milwaukee é a cidade em que esse presbítero se deteve interruptamente entre o período de 1952 e 1965. Tanto para ele quanto para a Família de Schoenstatt fora um período penoso, porque ele e o Movimento por ele fundado foram colocados no banco de prova. São "anos ocultos" cuja mensagem só lentamente vem à luz. Ao período volvido em Milwaukee, o Pe. Kentenich o não passou "expiando" apenas como em um presídio; prosseguiu em sua vocação. Ainda que lhe tivessem sido as mãos atadas, abriu novas dimensões para a sua família, por uma via interna.

Trilhar a via do Pe. Kentenich

Externamente contemplados, os lugares em que o Pe. Kentenich vivera em Milwaukee não são espetaculares. Nos EUA há algo de maior grandiosidade e de fascinação para ser visto. Quem chega com olhar de turista, irá ver de fato belas coisas, mas não descobrirá o verdadeiro "tesouro" de Milwaukee; as casas e os caminhos de Milwaukee evocam uma via espiritual deste homem de Deus, que ainda irá inspirar e ocupar muitas e muitas gerações vindouras. E para descobrir esta via, há mister de uma via rumo à interioridade, e não meramente interesse turístico.

Eis, pois, a razão por que desde alguns anos têm vindo a ser promovidos retiros para peregrinos em Milwaukee, que, por assim dizer, levam as pedras a falar. Tanto os quanto as participantes vivenciam um "novo" Pe. Kentenich; obtêm novo acesso pessoal a ele. As duas semanas são, por um lado, uma viagem de peregrinação com muitas visitas guiadas e visitas interessantes; todavia, por outro lado, contêm, por etapas, também elementos de retiro que velam para que não se permaneça na superficialidade; a direção dos retiros, bem como o acompanhamento ao longo desses dias estão a cargo do Pe.Rainer Birkenmaier de Oberkirch, Alemanha, e da Ir. M.Carol Winkler de Milwaukee, EUA. Na programação consta igualmente de encontros com inúmeras testemunhas contemporâneas do Pe. Kentenich.

Em 2008 realizar-se-ão dois retiros para peregrinos em Milwaukee, EUA:

  • A primeira viagem ocorrerá no período de 15 a 29 de março do ano em curso, cujo tema é: Victoria Patris: aprender, no encontro com o Pe. Kentenich, a viver como homem pascal. Este retiro para peregrinos contém acento peculiar; por isso ocorrerá na Semana Santa e na Oitava da Páscoa. Mediante a morte e a ressurreição, Cristo Jesus concedeu-nos o acesso ao Pai. Na escola do Pe. Kentenich podemos aprender o que isto significa para a vida.
  • A segunda viagem ocorrerá entre o período de 14 e 27 de agosto do ano em curso, debruçando-se com particularidade sobre o tema "Santuário-Lar". A origem do "home-shrine" é um desdobramento da Aliança de Amor, que surgiu em Milwaukee de forma inteiramente velada e sob circunstâncias modestas, proveniente do coração do Fundador.

Ainda vivem testemunhas contemporâneas do Pe. Kentenich que podem levar as pedras de Milwaukee a falar; chegou então a hora de descobrir a mensagem de Milwaukee e de encontrar o Pai em Milwaukee.

Tradução: Abadia da Ressurreição, Ponta Grossa, PR, Brasil

 

 

Zurück/Back: [Seitenanfang / Top] [letzte Seite / last page] [Homepage]
Impressum © 2008 Schönstatt-Bewegung in Deutschland, PressOffice Schönstatt, all rights reserved, Mail: Editor /Webmaster
Last Update: 25.01.2008